Post fixo

Espetáculo, comunicação e comunismo em Guy Debord – João Emiliano Fortaleza de Aquino

O presente trabalho se orienta pela hipótese de que a reflexão sobre a linguagem e a crítica do fetichismo mercantil, de Guy Debord, são aspectos inseparáveis de um único e mesmo ponto de partida da crítica da “sociedade do espetáculo”, centrado na crítica da linguagem e da forma-mercadoria. Continuar lendo Espetáculo, comunicação e comunismo em Guy Debord – João Emiliano Fortaleza de Aquino

Avalie isto:

Post fixo

A teoria da dissociação sexual e a teoria crítica de Adorno – Roswitha Scholz

Nos anos 90 o feminismo académico foi dominado por teorias pós-estruturalistas. Ao contrário dos anos 70 e 80, as abordagens marxistas foram marginalizadas. Em vez de se buscar uma nova compreensão da totalidade, que estivesse em condições de explicar desenvolvimentos recentes, como a queda do socialismo real, houve uma viragem para concepções culturalistas. Continuar lendo A teoria da dissociação sexual e a teoria crítica de Adorno – Roswitha Scholz

Avalie isto:

Post fixo

A importância da crítica do valor e da crítica da dissociação-valor para a ciência da história – Klaus Kempter

Lá se vão 5 anos sem a presença entre nós de Kurz ! Podemos dizer sem ter dúvidas : uma grande falta, mormente nestes dias de aprofundamento da crise que ele tão bem sentiu, estudou e compreendeu. Continuar lendo A importância da crítica do valor e da crítica da dissociação-valor para a ciência da história – Klaus Kempter

Avalie isto:

Post fixo

As emergências da contemporaneidade – Paulo Arantes 

Em tempos de confronto entres as forças nucleares da América e da Coreia do Norte esta palestra do professor Paulo Arantes tem um caráter muito atual por nos colocar frente ao pensamento do filósofo Walter Benjamin e sua visão peculiar do processo histórico e do papel real das revoluções como tentativa de freio a marcha inexorável da humanidade rumo à barbárie Continuar lendo As emergências da contemporaneidade – Paulo Arantes 

Avalie isto:

Post fixo

A grande desvalorização: Introdução- Marcos Barreira – o livro que estou lendo 

Em 2012, Ernst Lohoff e Norbert Trenkle publicaram na Alemanha “A grande desvalorização. Porque a especulação e a dívida do Estado não são as causas da crise”. O livro, dividido em três partes, aborda os limites da valorização do capital na era da Terceira Revolução Industrial, o conceito de “capital fictício” e o seu desenvolvimento histórico atual: Continuar lendo A grande desvalorização: Introdução- Marcos Barreira – o livro que estou lendo 

Avalie isto: